A minha cadeira de rodas

Quando fui para faculdade, tive necessidade de comprar uma cadeira de rodas nova. Foi quase como se tivesse de ter uma nova companheira para as novas aventuras. E que aventuras já passamos juntas. Na altura escrevi um post no meu Instagram a dar conta da minha nova aquisição: “Escrevo este…

ler mais

O “Verão Azul” escureceu.

Este olhar está triste porque o” Verão Azul” escureceu. Em 2012 por influência da minha filha Rita e o entusiasmo generoso de um amigo que estimo e reconheço como um coração grande, o José António Sousa, tive o primeiro contato com o projeto VERÃO AZUL. Fiquei a saber que a…

ler mais

3 anos sem ti

Quando estava a escrever e decidir qual iria ser o tema do meu conto para uma escrita criativa decidi escrever sobre ti. Sobre mim. Sobre todos nós enquanto família e todo o amor que nos unia. Acho que na verdade escrevi sobre este tema, não por ter qualidade artística, mas…

ler mais

Prioridade a quanto obrigas…

Não me acho nem mais nem menos que ninguém…Infelizmente (e por uma coisa que é bastante obvia ) tenho direito a  ter prioridade no atendimento. Seja numa simples ida ao supermercado ou até em organismos públicos…isto não é novidade nenhuma para ninguém, certo? Das duas uma ou o pessoal tem…

ler mais

Conversa de loucos

Quase diariamente, tenho conversas de loucos. Já,  que estou agora a iniciar a escrita argumento,  um dos temas será certamente, este tipo de conversas que não têm pés, nem cabeça, mas pelas quais tenho de passar quase diariamente. Reajo mal, MUTO MAL a isto. Sinceramente, nunca sei se deixar as…

ler mais

A foto que diz tudo…

Domingo foi dia de latada, como é mais que obvio tinha de ir a esse magnifico evento da vida académica. A todas as pessoas a quem digo que já estou na universidade, a primeira coisa que dizem: – “aproveita bem esta fase que é das melhores de que tenho memória!”…

ler mais

Inicia-se uma nova etapa

Desde o inicio das minhas férias do secundário e dos exames finais, eu, na verdade ainda não me consegui sentir de férias. Parece que ainda não descansei o suficiente e já está quase a começar uma nova fase.

Aliás, nestes últimos tempos têm sido só papeladas para tratar e algumas barreiras para superar.

Primeiro, o exame de português que foi concluído com sucesso na segunda fase e também depois a fase da candidatura à universidade.

ler mais

A solidão da mulher com deficiência

o texto de hoje não foi escrito por mim, mas depois de o ler, senti que era exatamente aquilo que eu penso e,  de certa forma, vivo. Este é um dos assuntos do qual quase ninguém fala, porque simplesmente é “tabu”. A verdade é que nos dias de hoje e…

ler mais

Até parece que são mordomias…!

Já ando há algum tempo para escrever este texto, mas tenho-me contido para não ferir suscetibilidades, mas agora tenho mesmo de escrever até porque estou nos 18 e cada vez mais a pensar no meu futuro. Ando há quase 18 anos neste mundo e o investimento financeiro em mim nunca…

ler mais