Parabéns, Rodrigo 

O meu irmão Rodrigo.

No meu colo, 

Desde sempre e para sempre,

Aqui estou eu, aqui estás tu,

Ali estás tu, ali estou eu,

Sempre assim.

E de repente, apercebemo -nos que, estamos no mundo. 

O mundo de opostos: enquanto uns acariciam, outros agridem-no fortemente!

Algures no meio desses opostos bastante notórios, estamos nós 

A ganhar uma forma, um certo traquejo pela vida, a ganhar asas para voar!

De facto nós próprios somos mesmo os opostos.

Eu e tu.

IMG_2339
Duas formas de ver o mundo…

FullSizeRender
Uma das formas, neste caso a minha, é simples, mas ao mesmo tempo complexa,dizem que a isto se chama, maturidade, se queres que te diga não sei bem o que é, até porque eu não sou uma de verdade, portanto, não me interessa nada como é que a minha forma de ver o mundo é designada pelos adultos.

Outra das formas, a tua, é simples e não tem nada de complexo, lá está, os adultos costumam dizer que isso é imaturidade, olha-me só, o nome tão complexo que foram arranjar para tanta simplicidade…

Bem, mas como estava a dizer

Nós somos mesmo os opostos um do outro…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAcontece que as nossas “objetivas” de ver a vida, sempre e para sempre se misturarão, ainda bem que assim é, senão isto não tinha piada nenhuma.

 Em consequência dessa mistura, a objetiva, fica com um espirito de aventureira, e cheia de sorrisos para esboçar.

eelldglçdgçIMG_1838
Tu exploras, o mundo de uma forma “normal” ao longo do caminho, ainda assim, como desde sempre soubeste que eu e a “normalidade”, não nos damos muito bem, nunca por um minuto que fosse te esqueceste de mim!

Fizeste sempre (e acredito que continuarás a fazer) as coisas, á nossa maneira, para que nunca precisássemos de adiar momentos de pura felicidade e diversão!  

“Anda mana que eu levo-te, eu ajudo-te” desde sempre, sussurraste esta frase no meu ouvido, e sem bem te conheço vais sussurrá-la para sempre!  

Passaste também, a ver o mundo sobre quatro rodas, essas tais rodas que sustentam e dão vida á tal diferença! Ou seja tens e vais ter perante ti dois mundos e sabem conjuga-los tão bem!

Obrigada por nunca me largares a mão ao longo deste nosso caminho! Eu prometo que também não largarei a tua.

Estou mesmo orgulhosa do homenzinho que te estás a tornar, já são 14 anos!

E tu cada vez estás mais “gato” ❤! Agora é que vai ser, vão ser só raparigas a tentarem, “candidatar-se” ao teu coração!

Amo-te muito! ❤ Muitos parabéns ! Sê muito feliz, hoje e sempre

O meu colo está e estará sempre aqui para ti 

E já agora, podemos ir procurar uma nova aventura? (isto enquanto o pai e a mãe estão distraídos a pensar que estamos a estudar arduamente!)