A equilibrista tem cada vez mais prática.

 

17986_842428939151535_6886070701290484039_n
Por aqui tenho novidades, quentinhas e boas. São novidades que tenho alguma urgência em partilhar com o meu mundo.

Tenho a sensação de que as palavras que aqui escrevo, ganharam coragem e saltaram de vez para a minha mente, para que as pudesse finalmente por em prática, partilhando convosco.

Aquele que era um fio sem resistência e que até agora estava a fazer com que não fosse a luta de enfrentar verdadeiramente o obstáculo, pois tinha medo que esse fino fio se rompesse e que isso me obrigasse a “ beijar” de forma mais  brusca e repentina o chão. Enfim cair, dar um trambolhão.

Começa agora a transformar-se, aos poucos, o fio passa a uma corda grossa para que eu não tenha medo de passar por cima dela.

Verdadeiramente em termos práticos e não metafóricos.

Saibam que estou a começar a desenrascar-me sozinha, nas tarefas normais do dia-a-dia de uma miúda adolescente.

Como:

Tomar banho sozinha.

Vestir-me sozinha.

Ir buscar as minhas bijuterias e combina-las com a roupa. Ir buscar as minhas maquilhagens sem ter de pedi-las a ninguém.

Ir receber as pessoas á porta de casa.

Ir buscar um simples pacote de bolachas. Desenrascar-me.

Poder ficar sozinha em casa sem que os meus pais fiquem preocupados com a hora a que vão chegar, pois se for necessário até lhe posso abrir a porta.

São tudo tarefas normais e banais que ao longo do dia que estou a conseguir faze-las aos poucos de forma autónoma. Sozinha, quase sem ajuda. Não imaginam o que é isso de conquista, o que resulta.

Nunca pensei que estivesse á altura deste desafio, no entanto, as provas de que sou capaz, estão á vista.

Talvez esse processo estivesse a ser mais lento, por conta da preguiça, tenho para mim que ela de repente, com muita calma e discreta e está a retirar-se de cena.  Além disso o senhor medo está a torna-se uma pedra cada vez mais pequenina no meu sapato.

Até que em fim!!!! Não é verdade?

É tão boa esta sensação de independência que vocês nem imaginam. Claro que ainda não consigo fazer isso de canadianas porque ainda tenho algum receio. Para já, o meu companheiro nesta nova aventura é o andarilho. Daqui a uns tempos, acredito que já vos possa dizer que as canadianas também estão integradas nesta aventura, porém é preciso ir com calma.

Estou feliz por finalmente ter percebido que o fio afinal é uma corda bem resistente.

Deu-se o clik.

Oh yeah! Come on girl

4 comentários em “A equilibrista tem cada vez mais prática.

  1. Manuela Branvo

    Parabéns Rita pela tua força e pelo teu sorriso. Um beijinho para ti e para tua mãe. PS. Diz a tua mãe que a espera dela no yoga ? Manela

  2. Maria José

    Sou tua leitora e admiradora assídua. Parabéns pela bela e inteligente escrita é bem haja pelas lições de vida que nos das . QUERER É PODER!!!! Beijocas

  3. Maria da Graça Pinto

    Parabéns Rita.
    Continua com essa força e tudo vais conseguir.
    Beijinho do ❤️

  4. Isabel Geraldo

    Minha Querida era, naturalmente, uma questão de tempo interior. Tinha que acontecer !!! uma rapariga como tu não ia ficar apenas pelas palavras. beijinho

Os comentários estãos fechados.