Último dia de aulas

Mais um ano lectivo a terminar. Ai! Acho que ainda nem me acredito. Juro. Este ano (lectivo) esteve recheado de emoções. Confesso que no início estava um bocado insegura. A verdade é que o décimo ano é bem diferente de todos os outros, a exigência é outra, algumas disciplinas novas, métodos de avaliação também eles […]

Read More

Conheci os Deolinda

Não paro! Tenho sempre a agenda lotada! E acima de tudo, tenho uns motoristas espetaculares, fáceis de convencer e cheios de paciência para me aturar e também para me acompanhar…vejam lá! Eles que até têm mais jeito que eu para correr, quer-me parecer  que daqui a uns tempos ficam sem folgêo para acompanhar a mim […]

Read More

A pensar…Na saudade

Não me digam mais nada! Nada que possam dizer preenche o vazio que sinto. E eu que pensava que a discrição de vazio era demasiado abstracta e se calhar um bocadinho exagerada. Sempre soaram nos meus ouvidos apalavras como a saudade e até a discrição precisa, do que é sentir a falta do outro. A […]

Read More

Inspiração

  Não sei porquê mas algo me diz que aqui deste lado alguém está com saudades das aventuras e brincadeiras com a sua amiga escrita e desse lado alguém está com uma certa inquietação e curiosidade para espreitar o resultado dessas brincadeiras e aventuras. Adivinhei? Ui! Nem sei por onde começar! Sou uma rapariga que […]

Read More

No silêncio do céu estrelado….

No silêncio do céu estrelado. A vida tem de tudo menos silêncio. Na agitação dos dias de hoje, o silêncio é uma coisa completamente inconcebível aos nossos olhos, ao nosso viver de agora. Mesmo que a alma permaneça sombria e triste pela falta de tempo para si, a terra, continua sem parar, a girar.    Sinceramente […]

Read More

A Joana Rita

A minha tarde de ontem foi daquelas que apetece repetir ao longo de todas as tardes do ano! Acho que todos nós gostamos de sentir isso quando estamos acompanhados de pessoas que são especiais para nós! Não será verdade? Pois bem! Se eu agora estou com esta forma de escrita a passar-vos esta mensagem de […]

Read More

Parabéns, Rodrigo 

O meu irmão Rodrigo. No meu colo,  Desde sempre e para sempre, Aqui estou eu, aqui estás tu, Ali estás tu, ali estou eu, Sempre assim. E de repente, apercebemo -nos que, estamos no mundo.  O mundo de opostos: enquanto uns acariciam, outros agridem-no fortemente! Algures no meio desses opostos bastante notórios, estamos nós  A […]

Read More

Parabéns,Rodrigo

8 O meu irmão Rodrigo, No meu colo, Desde sempre e para sempre, Aqui estou eu, aqui estás tu, Ali estás tu, ali estou eu, Sempre assim. E de repente, apercebemo-nos que, estamos no mundo. O mundo de opostos: enquanto uns acariciam, outros agridem-no fortemente! Algures no meio desses opostos bastante notórios, estamos nós A […]

Read More

A nossa amizade-por Ana Matos

Querida Rita: Não me lembro como comecei a ler as tuas palavras, porque sinceramente parece-me que te leio desde sempre. Recordo-me, no entanto, do dia em que resolvi escrever-te, a dizer o quanto te admirava… A tua força, vontade, DETERMINAÇÃO, alegria contagiante, inspiram qualquer um. E sem saberes, aqueceste o meu coração em dias menos […]

Read More