Fui ao baú! Olhem só o que encontrei!

Fevereiro 26, 2016 Rita

Tento ler sempre todos os vossos comentários! Que são sempre muito queridos! É bom saber que estão desse lado e ao mesmo tempo também é bom vocês perceberam que eu leio os vossos comentários! Resumindo e concluindo… Isto é uma aventura é uma aventura engraçada para todos nós! Tanto para mim que estou deste lado como para vós que estão desse lado! ❤️

Hoje ao ler o um comentário de uma seguidora aqui do blog! Fiquei com a minha resposta(ao comentário)  na  cabeça, respondi a umas breves palavras que me encheram o ❤️ que nem o céu era o limite!

Eu a pensar para mim própria:” Rita mas quem és tu para achar que nem o céu é  o limite?”

Entretanto, envolvi-me novamente  nas coisas do dia-a-dia, e esqueci-me daquela frase que me tinha passado pela cabeça…! 

O certo é que não sei como nem porque razão a minha mãe decidiu ir mexer em fotografias de quando eu era pequena! 

No meio de imensas fotos! Estava esta! 

Foi tirada num casamento em que fui menina das alianças ?! De sorriso farto e vestido de seda lá estava eu divertida! 

No entanto, o que mais me saltou à  vista na foto não foi o facto de estar de vestido de seda e com um sorriso de “orelha a orelha” mas sim o facto de estar a dançar e a saltar no meu andarilho e ao mesmo tempo estavam presentes(tinha que andar sempre com elas para corrigir os pés  e para caminhar melhor)uma coisas esquesitas  que tinha que introduzir nos sapatos! As talas que me icomundavam bastante! Mas eu não tinha outra opção senão andar com elas… O que tem de ser tem muita força! 

Ainda assim como podem conferir na foto as talas não me impediram de aproveitar aproveitar aquele dia especial… Dancei voei e fiz tudo o que pude para ser feliz! ?

Agora sim tenho resposta à minha pergunta:

Para quem quer seguir de mão dada com a felicidade nem sequer o céu  é o limite ❤️! 

 

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *